O que significa exame in loco?
Hoje em dia, mais do que nunca, todos prezam pela otimização do tempo de trabalho e do aumento da produtividade na empresa. Dessa forma, fazer um exame in loco pode ser útil, visto que significa realizá-lo no próprio local de trabalho. Assim, a sua empresa garante que está operando conforme a legislação, ao realizar exames […]
Hoje em dia, mais do que nunca, todos prezam pela otimização do tempo de trabalho e do aumento da produtividade na empresa. Dessa forma, fazer um exame in loco pode ser útil, visto que significa realizá-lo no próprio local de trabalho. Assim, a sua empresa garante que está operando conforme a legislação, ao realizar exames nos funcionários, e tem uma série de benefícios. Portanto, para entender melhor sobre o que isso significa, leia até o final!

O que são exames ocupacionais in loco

exames in loco De forma geral, um exame in loco é bastante evidente no seu significado, não é mesmo? Afinal, a própria expressão “in loco” vem do latim “no lugar” ou “no próprio local”, o que já entrega um pouco do que queremos dizer. Neste sentido, de forma resumida, um exame in loco é um exame que é feito no próprio local de atendimento. Dessa forma, ele evita, por exemplo, que o trabalhador tenha de se locomover até outro lugar, no caso dos exames ocupacionais. Por isso este termo se refere fundamentalmente à estrutura em que os exames ocupacionais são realizados. Ou seja, quando são in loco são oferecidos e realizados na própria empresa, o que traz uma série de benefícios como veremos mais à frente. Além disso, é importante ressaltar que todo exame in loco deve estar relacionado à gestão do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO). Dessa forma, eles ajudam a otimizar o gerenciamento do PCMSO, aumentando a eficácia deste programa na sua empresa.

Benefícios in loco

Dito isso, agora que você já sabe que um exame in loco é aquele realizado no próprio local de trabalho, é hora de irmos mais além. Ou seja, por que os exames in loco são realizados? Quais benefícios eles podem trazer tanto para a empresa quanto para o trabalhador? Via de regra, estes exames ocupacionais são agendados de forma periódica e na forma de campanhas. Em resumo, eles servem para diversas motivações e tem como pontos positivos alguns dos seguintes:
  • Permite a organização de diversos exames em vários trabalhadores num só local;
  • Otimiza o tempo gasto pela empresa com os exames ocupacionais;
  • Evita que o trabalhador tenha de se deslocar, facilitando também para ele;
  • Tende a economizar, oferecendo um melhor custo-benefício à empresa;
  • Garante que os funcionários estejam em dia com os exames previstos em lei;
  • Auxilia na otimização da produção diária de trabalho;
  • Evita que os trabalhadores se exponham a riscos desnecessários.
Para isso, é claro, deve haver uma estrutura prévia para a realização dos exames. Dessa maneira, a depender do exame a ser feito, diferentes requisitos precisam ser cumpridos pela sua empresa. Nestas situações, então, há empresas do ramo da saúde ocupacional que funcionam como parceiras, e podem prover o necessário. Além disso, também é preciso ter um médico responsável pelos Atestados de Saúde Ocupacional e profissionais que estejam habilitados para realizar os exames – normalmente fornecidos pela parceira.

Que tipos de exames podem ser feitos dessa forma

exame in loco Por fim, lembre-se de que, como falei, quando mencionamos um exame in loco, podemos estar nos referindo a vários procedimentos. Na verdade, entre os exames ocupacionais, há muito que podem e devem ser feitos. Ademais, a depender da empresa, do tipo de trabalho e da parceira que irá realizar os exames, também variam os tipos que são feitos. Entre alguns dos mais comuns, no entanto, temos os seguintes:
  • Espirometria;
  • Exames clínicos;
  • Audiometria;
  • Eletrocardiograma;
  • Exame de acuidade visual;
  • Eletroencefalograma;
  • Coleta de material para exames laboratoriais.
Ademais, como também já falamos antes, há a elaboração do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO), que é importante para qualquer empresa com trabalhadores. E você, o que achou sobre a possibilidade de realização de exames in loco? Gostou dessa alternativa? Comente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *